Desempenho de genótipos de soja no cerrado amapaense de 2009 a 2013

  • Gilberto Ken-Iti Yokomizo Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária.
  • Igor Correa dos Santos CEAP, Centro de Ensino Superior do Amapá
Palavras-chave: Glycine max, Produtividade, Melhoramento genético, Scott-Knott

Resumo

A soja vem ocupando novas fronteiras agrícolas, iniciando seu cultivo em áreas de cerrado no Norte do país, incluindo o Amapá, que possui localização estratégica, o que torna fundamental identificar e selecionar através de pesquisas os melhores materiais para utilização local. A partir disso, a Embrapa Amapá desenvolveu pesquisas com 26 cultivares comerciais e 41 linhagens experimentais em sua área de cerrado entre os anos de 2009 a 2013, sendo avaliados: número de dias para florescimento das plantas (NDF), número de dias para maturidade dos grãos (NDM), altura da planta na maturidade (APM, em cm) e produtividade grãos (PG, em kg ha-1). Os resultados obtidos permitiram concluir que houve diferenças entre os anos de avaliação, os genótipos e na interação entre ambos; o coeficiente CVg/CVe indica que há facilidade de seleção apenas com base em NDF, sendo que nas demais características torna-se necessário o uso de metodologias estatísticas mais apuradas; a classificação de Scott-Knott conseguiu classificar os materiais genéticos em grupos, para produtividade de grãos as dez linhagens experimentais superiores foram: MABR03-3545, MABR05-22940, BRN03-5602, BRN03-7183, MABR05-24513, MABR04-52667, MABR05- 24540, MABR02-1876, BRN03-5760, BR04-5290; e das cultivares comerciais foram: BRS Candeia, BRS Candeia VNH, BRS Seridó VNH, BRS 219; e a correlação existente entre produtividade e altura de plantas foi maior e isso significa que a seleção de uma destas características dificilmente será conseguida independente da outra; com relação às demais correlações, que envolveram apenas número de dias para florescimento e maturidade com altura de planta, foram baixas e com isso estas características são praticamente independentes.

Biografia do Autor

Gilberto Ken-Iti Yokomizo, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária.

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade de São Paulo (1991), mestrado em Agronomia (área de concentração em Genética e Melhoramento de Plantas) pela Universidade de São Paulo (1994) e doutorado em Agronomia (área de concentração em Genética e Melhoramento de Plantas) pela Universidade de São Paulo (1999). Atualmente é pesquisador da Embrapa Amapá. Pós-Doutor em Agronomia (área de concentração em Genética e Melhoramento de Plantas) pela Universidade de São Paulo (2008). Docente nos cursos de pós-graduação (mestrados) em Desenvolvimento Regional da UNIFAP e também no BIONORTE do MCT. Tem experiência na área de Genética, com ênfase em Genética Quantitativa e Melhoramento Genético Vegetal, atuando principalmente nos seguintes temas: soja, feijão, cobertura verde, palmito de pupunheira, açaizeiro, ornamentais tropicais e mangabeiras.

Igor Correa dos Santos, CEAP, Centro de Ensino Superior do Amapá
Economista formado pelo Centro de Ensino Superior do Amapá, foi estagiário da SEPLAN (Secretaria Estadual de Planejando do Estado do Amapá), setor de estatística.

Referências

ALVES, L. W. R.; CASTRO, G. S. A. Proposta de ocupação e uso agropecuário mais sustentável do cerrado amapaense: princípios, critérios e indicadores técnicos. Macapá: Embrapa Amapá, 2014. 46 p.

BÁRBARO, I. M.; DI MAURO, A. O.; CENTURIM, M. A. P. C.; MACHADO, P. C.; BÁRBARO JUNIOR, L. S. Análises genéticas em populações de soja resistentes ao cancro da haste e destinadas para áreas canavieiras. Colloquium Agrariae, v. 5, n. 1, p. 8-24, 2009. doi: 10.5747/ca.2009.v05.n1.

BARROS, H. B.; SEDIYAMA, T.; VAZ DE MELO, A.; FIDELIS, R. R.; CAPONE, A. Adaptabilidade e estabilidade de genótipos de soja por meio de métodos uni e multivariado. Journal of Biotechnology and Biodiversity, v. 3, n. 2, p. 49-58, 2012.

CASTRO, G. S. A.; ALVES, L. W. R. Cerrado amapaense: estado da arte da produção de grãos. Macapá: Embrapa Amapá, 2014. 82 p.

CASTRO, G. S. A.; KOURI, J.; ALVES, L. W. R.; SILVA NETO, S. P. Avaliação de cultivares de soja no Cerrado do estado do Amapá. Macapá: Embrapa Amapá, 2014. 5 p.

CHAGAS, K.; ALEXANDRE, R. S.; SCHMILDT, E. R.; BRUCKNER, C. H.; FALEIRO, F. G. Genetic diversity in genotypes of the sour passion fruit, based on the physical and chemical characteristics of the fruit. Ciência Agronômica, v. 47, n. 3, p. 524-531, 2016. doi: 10.5935/1806-6690.20160063.

COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO (CONAB). Acompanhamento da safra brasileira de grãos: safra 2017/2018, v. 5, n. 8. Brasília: Conab, 2018. v. 5, n. 8.

COSTA, M. M.; DI MAURO, A. O.; UNÊDA-TREVISOLI, S. H.; ARRIEL, N. H. C.; BÁRBARO, I. M.; SILVEIRA, G. D.; MUNIZ, F. R. S. Heritability estimation in early generations of two-way crosses in soybean. Bragantia, v. 67, n. 1, p. 101-108, 2008. doi: 10.1590/S0006-87052008000100012.

CRUZ, C. D. Genes software: extended and integrated with the R, Matlab and Selegen. Acta Scientiarum, v. 38, n. 4, p. 547-552, 2016. doi: 10.4025/actasciagron.v38i4.32629.

CRUZ, C. D.; REGAZZI, A. J.; CARNEIRO, P. C. S. Modelos biométricos aplicados ao melhoramento genético. Viçosa: UFV, 2012. v. 1.

HAMAWAKI, O. T.; SOUSA, L. B.; ROMANATO, F. N.; NOGUEIRA, A. P. O.; SANTOS JÚNIOR, C. D.; POLIZEL, A. C. Genetic parameters and variability in soybean genotypes. Comunicata Scientiae, v. 3, n. 2, p. 76-83, 2012.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Levantamento sistemático da produção agrícola. Rio de Janeiro: IBGE, 2017. p. 73. v. 30, n. 12.

INSTITUTO NACIONAL DE METEOROLOGIA. BDMEP: Banco de Dados Meteorológicos para Ensino e Pesquisa [2009-2013]. Disponível em: <http://www.inmet.gov.br/portal/index.php?r=bdmep/bdmep>. Acesso em: 6 jun. 2018.

LEITE, W. S.; PAVAN, B. E.; MATOS FILHO, C. H. A.; FEITOS, F. S.; OLIVEIRA, C. B. Estimativas de parâmetros genéticos e correlações entre caracteres morfoagronômicos em genótipos de soja. Nativa, v. 3, n. 4, p. 241-245, 2015. doi: 10.14583/2318-7670.v03n04a03.

LIMA, M. D.; PELUZIO, J. M.; AFFÉRRI, F. S. Correlações fenotípicas entre atributos químicos/físico-químicos e agronômicos em soja visando a produção de biodiesel. Revista de Ciências Agrárias, v. 60, n. 3, p. 263-267, 2018. doi: 10.4322/rca.2589.

MELÉM JÚNIOR, N. J.; FONSECA, I. C. B.; BRITO, O. R.; DECAËNS, T.; CARNEIRO, M. M.; MATOS, M. F. A.; GUEDES, M. C.; QUEIROZ, J. A. L.; BARROSO, K. O. Análise de componentes principais para avaliação de resultados analíticos da fertilidade de solos do Amapá. Semina: Ciências Agrárias, v. 29, n. 3, p. 499-506, 2008.

MEZZALIRA, I. Ganho genético para produtividade de grãos de soja na região central do Brasil. 2017. 44 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas) – Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2017.

NOGUEIRA, A. P. O.; SEDIYAMA, T.; OLIVEIRA, R. C. T.; GLASENAPP, J. S. Caracteres qualitativos. In: SEDIYAMA, T. (Org.). Melhoramento genético da soja. Londrina: Mecenas, 2015. v. 1, p. 33-56.

OLIVEIRA, C. M.; SANTANA, A. C.; HOMMA, A. K. O. Os custos de produção e a rentabilidade da soja nos municípios de Santarém e Belterra, estado do Pará. Acta Amazônica, v. 43, n. 1, p. 23-31, 2013.

PIMENTEL-GOMES, F. Curso de estatística experimental. 15. ed. Piracicaba: Fealq, 2009. 451 p.

RESENDE, M. D. V.; DUARTE, J. B. Precisão e controle de qualidade em experimentos de avaliação de cultivares. Pesquisa Agropecuária Tropical, v. 37, n. 3, p. 182-194, 2007.

SANTOS, C. Estatística descritiva: manual de auto-aprendizagem. Lisboa: Sílabo, 2010. 264 p.

SILVA, C. A. F. Corporação e agronegócio da soja na Amazônia. Acta Geográfica, v. 3, n. 3, p. 29-40, 2008. doi: 10.5654/acta.v2i3.186.

SUPERTI, E.; SILVA, G. V. Integração internacional e políticas públicas de defesa e segurança na fronteira setentrional amazônica: reflexões sobre a condição fronteiriça amapaense. Intellector, v. 11, n. 22, p. 129-147, 2015.

TORRES, F. E.; SILVA, E. C.; TEODORO, P. E. Desempenho de genótipos de soja nas condições edafoclimáticas do ecótono Cerrado-Pantanal. Interações, v. 15, n. 1, p. 71-78, 2014.

VASCONCELOS, E. S.; REIS, M. S.; SEDIYAMA, T.; CRUZ, C. D. Produtividade de grãos, adaptabilidade e estabilidade de genótipos de soja de ciclos precoce e médio. Semina: Ciências Agrárias, v. 36, n. 3, p. 1203-1214, 2015. doi: 10.5433/1679-0359.2015v36n3p1203.

Publicado
2018-09-25
Seção
Nota Técnica