Recipientes e densidades de semeadura combinadas com o tempo na produção de mudas de jambu

Palavras-chave: Acmella oleracea (L.) R. K. Jansen, Índice de qualidade de Dickson, Bandeja de polietileno

Resumo

A cultura do jambu possui significativa importância na culinária e medicina popular da Região Norte do Brasil. Apesar disso, a espécie ainda enfrenta problemas relacionados à determinação de aspectos fitotécnicos básicos para a sua produção. Objetivou-se neste trabalho investigar a qualidade de mudas de jambu produzidas em recipientes com diferentes volumes e densidades de semeadura ao longo do tempo. Para isso, foram montados dois ensaios simultâneos em ambiente protegido. Utilizou-se o delineamento em blocos ao caso em esquema fatorial para ambos os ensaios. No primeiro ensaio os fatores avaliados foram dois recipientes (bandeja de 162 e 200 células) em quatro datas de avaliação (10, 15, 20 e 25 dias após a semeadura). Já no segundo ensaio avaliou-se três densidades de semeadura (duas, quatro e seis plantas célula-1) em quatro datas (10, 15, 20 e 25 dias após a semeadura). As características avaliadas foram: comprimento da parte aérea, comprimento do sistema radicular, comprimento total da planta, diâmetro do coleto, massa fresca da parte aérea e do sistema radicular, massa seca da parte aérea e do sistema radicular, porcentagem de sobrevivência no quinto e décimo dia após o transplantio e o índice de qualidade de Dickson. A bandeja de 162 células foi a que possibilitou as melhores condições para o crescimento, o desenvolvimento e a qualidade das mudas de jambu. Considerando-se os valores individuais obtidos para cada caractere das plantas avaliadas para as diferentes densidades testadas, a densidade de duas plântulas célula-1 foi a que possibilitou a obtenção dos melhores resultados individuais por planta.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVARES, C. A.; STAPE, J. L.; SENTELHAS, P. C.; GONÇALVES, J. L. M.; SPAROVEK, G. Köppen’s climate classification map for Brazil. Meteorologische Zeitschrift, Stuttgart, v. 22, n. 6, p. 711-728, 2014. doi: 10.1127/0941-2948/2013/0507

BARBOSA, A. F.; CARVALHO, M. G.; SMITH, R. E.; SABAA-SRUR, A. U. O. Spilanthol: occurrence, extraction, chemistry and biological activities. Revista Brasileira de Farmacognosia, Curitiba, v. 26, p. 128-133, 2016. doi: 10.1016/j.bjp.2015.07.024

COSTA, E.; DURANTE, L. G. Y.; NAGEL, P. L.; FERREIRA, C. R.; SANTOS, A. Qualidade de mudas de berinjela submetida a diferentes métodos de produção. Revista Ciência Agronômica, Fortaleza, v. 42, n. 4, p. 1017-1025, 2011.

COSTA, E.; LEAL, P. A. M.; BENETT, C. G. S.; SILVA, K. S.; SALAMENE, L. C. P. Production of tomato seedlings using different substrates and trays in three protected environments. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola, Jaboticabal, v. 32, n. 5, p. 822-830, 2012. doi: 10.1590/S0100-69162012000500002

DELARMELINA, W. M.; CALDEIRA, M. V. W.; FARIA, J. C. T.; GONÇALVES, E. O.; ROCHA, R. L. F. Diferentes substratos para a produção de mudas de Sesbania virgata. Floresta e Ambiente, Seropédica, v. 21, n. 2, p. 224-233, 2014. doi: 10.4322/floram.2014.027

DICKSON, A.; LEAF, A. L.; HOSNER, J. F. Quality appraisal of white spruce and white pine seedling stock in nurseries. Forestry Chronicle, Mattawa, v. 36, n. 1, p. 10-13, 1960.

DUBEY, S.; MAITY, S.; SINGH, M.; SARAF, S. A; SAHA, S. Phytochemistry, pharmacology and toxicology of Spilanthes acmella: a review. Advances in Pharmacological Sciences, v. 2013, 2013. Disponível em: https://www.hindawi.com/journals/aps/2013/423750. Acesso em: 28/11/2016. doi: 10.1155/2013/423750

ECHER, M. M.; ARANDA, A. N.; BORTOLAZZO, E. D.; BRAGA, J. S.; TESSARIOLI NETO, J. Efeito de três substratos e dois recipientes na produção de mudas de beterraba. Horticultura Brasileira, Brasília, DF, v. 18, p. 509-511, 2000. Suplemento.

FERREIRA, D. F. Sisvar: a computer statistical analysis system. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 160, n. 6, p. 1039-1042, 2011. doi: 10.1590/S1413-70542011000600001

FILGUEIRA, F. Novo manual de olericultura: agrotecnologia moderna na produção e comercialização de hortaliças. 3. ed. Viçosa: UFV, 2008. 421 p.

GOMES, J. M.; PAIVA, H. N. Viveiros florestais: propagação sexuada. Viçosa: UFV, 2011. 116 p.

GUIMARÃES, M. A.; FEITOSA, F. R. C. Implantação de hortas: aspectos a serem considerados. Fortaleza: ProntoGraf, 2015. 103 p.

GUIMARÃES, M. A.; GARCIA, M. F. N.; DAMASCENO, L. A.; VIANA, C. A. Production of cocona and jurubeba seedlings in different types of containers. Horticultura Brasileira, Vitória da Conquista, v. 30, n. 4, p. 720-725, 2012. doi: 10.1590/S0102-05362012000400026

GUSMÃO, M. T. A.; GUSMÃO, S. A. L. Jambu da Amazônia: Acmella oleracea [(L.) R. K. Jansen]: características gerais, cultivo convencional, orgânico e hidropônico. Belém: Edufra, 2013. 135 p.

HOMMA, A. K. O. Extrativismo vegetal na Amazônia: história, ecologia, economia e domesticação. In: HOMMA, A. K. O.; SANCHES, R. S.; MENEZES, A. J. E. A.; GUSMÃO, S. A. L. (ed.). Etnocultivo do jambu para abastecimento da cidade de Belém, no Estado do Pará. Brasília, DF: Embrapa, 2014. p. 329-343.

LEMOS NETO, H. S.; TORRES, R. A.; DANTAS, L. L. G. R.; XAVIER, C. V. V.; GUIMARÃES, M. A.; TAKANE, R. J. Substrates and containers for the development of Brassica pekinensis L. seedlings. Bragantia, Campinas, v. 75, n. 3, p. 344-350, 2016. doi: 10.1590/1678-4499.439

LIMA, J. S. S.; CHAVES, A. P.; BEZERRA NETO, F.; SANTOS, E. C.; OLIVEIRA, F. S. Produtividade da cenoura, coentro e rúcula em função de densidades populacionais. Revista Verde, Pombal, v. 8, n. 1, p. 110-116, 2013.

MELLO, B. F. F. R.; TREVISAN, M. V.; STEINER, F. Quality of cucumber seedlings grown in different containers. Revista de Agricultura Neotropical, Cassilândia, v. 3, n. 1, p. 33-38, 2016.

MIQUELONI, P. D.; NEGREIROS, J. R. S.; AZEVEDO, J. M. A. Tamanhos de recipientes e substratos na produção de mudas de pimenta longa. Amazônia: Ciência & Desenvolvimento, Belém, v. 8, n. 16, p. 81-92, 2013.

PRACHAYASITTIKUL, V.; PRACHAYASITTIKUL, S.; RUCHIRAWAT, S.; PRACHAYASITTIKUL, V. High therapeutic potential of Spilanthes acmella: a review. EXCLI Journal, Dortmund, v. 12, p. 291-312, 2013.

PRADO, J. C. L.; COSTA, E.; CARDOSO, E. D.; BINOTTI, F. F. S. Proporções de húmus para a formação de mudas de pimenteira. Revista de Ciências Agrárias, Belém, v. 59, n. 4, p. 339-344, 2016. doi: 10.4322/rca.2332

RODRIGUES, D. S.; CAMARGO, M. S.; NOMURA, E. S.; GARCIA, V. A.; CORREA, J. N.; VIDAL, T. C. M. Influência da adubação com nitrogênio e fósforo na produção de jambu, Acmella oleracea (L.) R. K. Jansen. Revista Brasileira de Plantas Medicinais, Paulínia, v. 16, n. 1, p. 71-76, 2014. doi: 10.1590/S1516-05722014000100010

SAMPAIO, I. M. G.; GUIMARÃES, M. A.; LEMOS NETO, H. S.; MAIA, C. L.; VIANA, C. S.; GUSMÃO, S. A. L. Pode o uso de mudas agrupadas e a maior densidade de plantio aumentar a produtividade de jambu? Revista de Ciências Agrárias, Belém, v. 61, p. 1-8, 2018. doi: 10.22491/rca.2018.2906

Publicado
2019-06-14
Seção
Artigos Científicos