Impactos da adoção da gestão do conhecimento 4.0 no contexto dos negócios de farmácias magistrais:

revisão sistemática de literatura.

Autores

  • Everton Gomes Oliveira
  • José Luiz Braga
  • Fabricio Martins Mendonça
  • Fernando Hadad Zaidan

DOI:

https://doi.org/10.56798/RGC-09-2022-03

Palavras-chave:

Gestão de Conhecimento 4.0, Inovação, Vantagem Competitiva, Indústria 4.0, Farmácia Magistral

Resumo

Levando em consideração a alta carga tributária no Brasil, o artigo tem como principal finalidade mostrar os efeitos causados à sociedade brasileira pelos impostos de caracteristica regressiva que impactam diretamente na população que em sua maioría se mantem com um salário mínimo, através da tributação sobre bens de consumo e serviços. São apresentados os tipos de impostos que compõem o grupo de tributos regressivos e progressivos, como eles são aplicados a população, como se posicionam se comparados a outros países, além de medidas que seriam capazes de promover uma mudança de cenário, que não são simples e práticas, mas que demandam suporte da legislação e iniciativas justas. Deste modo o artigo se torna relevante partindo do aspecto de que é necessário enxergar o quanto a alta carga tributária regressiva atrapalha o desenvolvimento do país e dos seus residentes, mas também o quanto é dificil encontrar soluções para esta situação.

Downloads

Publicado

2022-09-05

Edição

Seção

Revista Gestão em Conhecimento